Será que faz uma diferença?

Por: Allen Dutton

Será que faz uma diferença o que acreditamos e praticamos? Vamos ver algumas passagens das Escrituras. Em Mateus 28.20, Jesus disse:

ensinando-os a obedecer a TUDO o que eu ordenei.

Quantas coisas poderiam ser deixadas de lado e ainda cumprir este mandamento?

Será que 75% ou até mesmo 90% cumpriria “tudo o que ordenei?” certamente o nosso alvo deve ser obedecer 100% da doutrina de Cristo.

Em Mateus 7.21, Jesus disse,

“Nem todo aquele que diz Senhor, Senhor entrará no Reino do céus, mas apenas aquele que faz a VONTADE do meu Pai que está no céus.”

Apenas declarar fidelidade não é suficiente. O dizer não é substituto do fazer. Quanto da vontade de Deus pode ser rejeitada e ainda satisfazer o mandamento de Jesus? Em Gálatas 1.8, o apóstolo Paulo escreveu:

Mas ainda que nós ou um anjo dos céus pregue um EVANGELHO DIFERENTE daquele que lhes pregamos, que seja amaldiçoado.”

Diferentes evangelhos trazem maldição. O evangelho de Cristo trás salvação. Com tudo isto, devemos adicionar novas doutrinas hoje? É seguro omitir o que o Espírito Santo incluiu? Podemos escolher o que praticar? Sem dúvida faz diferença. Vamos acreditar e praticar somente aquilo que encontramos no Novo Testamento! Deus nos abençoe!   Pregção: As bençãos espirituais que recebemos