Reduzindo a velocidade

Por: Cesar Santos

A velocidade de um modo geral é algo que fascina o ser humano. O homem tem usado da inteligência dada por Deus para desenvolver coisas que superam o tempo. A invenção de dispositivos capazes de acelerar nossas atividades nos dá uma falsa impressão de podermos abraçar o mundo e cumprir todas as tarefas que enchem a nossa agenda.

É interessante pensar que quanto mais buscamos meios de aumentar o tempo, mais ficamos sem tempo. Estamos nos tornando escravos do prazo, e o imediatismo tem se tornado um vício. Queremos tudo com rapidez, e temos a sensação de que o tempo escorre pelas mãos como água. Muitos acham, que seu valor próprio depende do tamanho da sua lista de coisas a fazer.

Tudo isso desvia a nossa atenção das coisas básicas da vida que são as mais importantes, como nosso relacionamento com Deus, com nossa família, com o nosso próximo e com nós mesmos. Leia Mateus 6: 25-34, pise no freio, limpe sua agenda e se reorganize colocando a seguinte sequência: Deus, sua família, seu próximo e você mesmo. Pregação de hoje!