Obediência a Deus

Desde o momento em que Deus criou o homem, Deus mostrou claramente o desejo d’Ele para que o homem o obedecesse. Essa obediência a Deus tem muito mais haver com os benefícios que Ele nos dá por meio dessa obediência do que benefícios para Ele mesmo, pois Deus sempre será Deus, independente se obedecermos a Ele ou não.

Obedecer a Deus não é uma tarefa fácil, mas necessária para que as bênçãos de Deus sejam manifestadas em nossas vidas. O próprio Jesus, embora sendo Deus, como homem e Filho, precisou passar por experiências aqui na terra sobre essa obediência para que pudesse ser salvo da morte e ser fonte de salvação para todos nós.

“Enquanto estava aqui na terra, Cristo suplicou a Deus, orando com lágrimas e agonia de alma ao único que O salvaria da morte. E Deus ouviu as orações dele por causa do seu intenso desejo de obedecer a Deus em todos os momentos. E embora Jesus fosse o Filho de Deus, teve de aprender por experiência própria o que era obedecer, quando a obediência significa sofrimento. Foi depois desta experiência, quando Ele provou que era perfeito, que Jesus se tornou o doador da salvação eterna a todos os que Lhe obedecem.” Hebreus 5.7-9 (Viva)

Portanto, vamos nos esforçar para obedecer a Deus para nossa salvação e também ser fonte, através de Jesus, de salvação para todas as pessoas em nossa volta.

 (a)   Alisson Terra